Arquivos da categoria: CÂMBIO – Teatro Café Pequeno

UMA CARTA PERDIDA continua às quartas e quintas no Café Pequeno!

“Uma Carta Perdida”, texto de Ion Luca Caragiale, importantíssimo dramaturgo romeno, é uma sátira aos bastidores da política com tudo que tem direito: chantagem, comportamentos duvidosos, jogos de interesse. Apesar de escrita em 1884, a peça é muito atual e

UMA CARTA PERDIDA continua às quartas e quintas no Café Pequeno!

“Uma Carta Perdida”, texto de Ion Luca Caragiale, importantíssimo dramaturgo romeno, é uma sátira aos bastidores da política com tudo que tem direito: chantagem, comportamentos duvidosos, jogos de interesse. Apesar de escrita em 1884, a peça é muito atual e

“QUANDO TOCA O CORAÇÃO” ESTREIA NO TEATRO CAFÉ PEQUENO NO DIA 31 DE OUTUBRO

Com atuação de Virgínia Maria e Caio Ruas, o espetáculo apresenta clássicos da música popular brasileira em arranjos originais compostos por Guilherme Miranda. Histórias reais de amor, amizade e família viram ficção ao som de clássicos da música brasileira de

“QUANDO TOCA O CORAÇÃO” ESTREIA NO TEATRO CAFÉ PEQUENO NO DIA 31 DE OUTUBRO

Com atuação de Virgínia Maria e Caio Ruas, o espetáculo apresenta clássicos da música popular brasileira em arranjos originais compostos por Guilherme Miranda. Histórias reais de amor, amizade e família viram ficção ao som de clássicos da música brasileira de

CURTÍSSIMA TEMPORADA – MALDITO CORAÇÃO – ME ALEGRA QUE TU SOFRAS!

MALDITO CORAÇÃO – ME ALEGRA QUE TU SOFRAS   Release “Maldito Coração, me alegra que tu sofras” é o texto teatral mais famoso da consagrada autora gaúcha Vera Karan. Por falar sobre as agruras e belezas do ser humano, em

CURTÍSSIMA TEMPORADA – MALDITO CORAÇÃO – ME ALEGRA QUE TU SOFRAS!

MALDITO CORAÇÃO – ME ALEGRA QUE TU SOFRAS   Release “Maldito Coração, me alegra que tu sofras” é o texto teatral mais famoso da consagrada autora gaúcha Vera Karan. Por falar sobre as agruras e belezas do ser humano, em

Terças no Café Pequeno com o Maravilhoso Coletivo Samba Noir, não perca!

SHOW COLETIVO SAMBA NOIR – Em construção O show “Coletivo Samba Noir – em construção” apresenta uma releitura contemporânea de clássicos da música brasileira que versam sobre o amor, suas dores e impossibilidades. À maneira dos filmes noir, o espetáculo,

Terças no Café Pequeno com o Maravilhoso Coletivo Samba Noir, não perca!

SHOW COLETIVO SAMBA NOIR – Em construção O show “Coletivo Samba Noir – em construção” apresenta uma releitura contemporânea de clássicos da música brasileira que versam sobre o amor, suas dores e impossibilidades. À maneira dos filmes noir, o espetáculo,

Marcos Oliveira traz as melhores canções do passado no Café Pequeno!

NOITE DE CANÇÕES. É sempre nas noites que os poetas se inspiram no Amor. Se embriagam em suas musas e fazem lindas canções e algumas delas ficam pra sempre no nossos ouvidos e corações. Sinto que antes de ser ator

Marcos Oliveira traz as melhores canções do passado no Café Pequeno!

NOITE DE CANÇÕES. É sempre nas noites que os poetas se inspiram no Amor. Se embriagam em suas musas e fazem lindas canções e algumas delas ficam pra sempre no nossos ouvidos e corações. Sinto que antes de ser ator

Susana Dal Poz presenta seu CD de estreia, “Só Sambas” no Café Pequeno

A cantora Susana Dal Poz apresenta seu CD de estreia, “Só Sambas”, produzido por Bernardo Dantas e lançado pela gravadora Fina Flor. Com repertório cuidadosamente definido, o CD inclui releituras de clássicos, como “Com que roupa?”, de Noel Rosa e

Susana Dal Poz presenta seu CD de estreia, “Só Sambas” no Café Pequeno

A cantora Susana Dal Poz apresenta seu CD de estreia, “Só Sambas”, produzido por Bernardo Dantas e lançado pela gravadora Fina Flor. Com repertório cuidadosamente definido, o CD inclui releituras de clássicos, como “Com que roupa?”, de Noel Rosa e

Venha assistir ao MUNDO GRAMPEADO no Café Pequeno > sempre às quartas!

Tudo começa em um churrasquinho de rua. Ponto de encontro entre a turma de amigos do Doidjo (Vicente Coelho), um jovem excêntrico aficionado por MPB, política nativa e que é dono de uma rádio pirata. Chega sem avisar, Dinho (Daniel

Venha assistir ao MUNDO GRAMPEADO no Café Pequeno > sempre às quartas!

Tudo começa em um churrasquinho de rua. Ponto de encontro entre a turma de amigos do Doidjo (Vicente Coelho), um jovem excêntrico aficionado por MPB, política nativa e que é dono de uma rádio pirata. Chega sem avisar, Dinho (Daniel