Teatro Café Pequeno se transforma em CABARÉ FOGUETE!

 IMG_1503

Com direção e dramaturgia de Ivan Sugahara e Gustavo Damasceno, o espetáculo “Cabaré Foguete” narra a saga de Ana Foguetinho. A peça conta desde a sua infância no interior do Paraná até a sua ida, aos quinze anos, para o Rio de Janeiro, onde se consagra como uma prostituta de fama internacional.

 

Para o espetáculo, o Teatro Café Pequeno se transforma num cabaré, onde os espectadores podem consumir bebidas enquanto assistem à comédia musical comandada por três atrizes e dois atores, acompanhados por uma banda. A encenação é composta por números musicais, coreografias eróticas, mágicas e cenas de humor burlesco.

A peça desenvolve a história de uma das personagens do “Sarau das Putas”, apresentado no Teatro Poeira em 2013. Concebido por Sugahara, o espetáculo era composto por 13 monólogos, nos quais o elenco exclusivamente feminino interpretava prostitutas criadas a partir da fusão de histórias de profissionais do sexo e depoimentos pessoais das atrizes. Nara Parolini, intérprete de Ana Foguetinho no “Sarau”, segue representando a personagem no “Cabaré”.

“A cena da Nara era uma das que mais se destacava no “Sarau das Putas”. A mistura de ingenuidade e picardia da personagem era garantia de risadas todas as noites. O sucesso da Ana Foguetinho nos levou a querer desdobrar a sua história em um espetáculo protagonizado por ela.” – explica o diretor Ivan Sugahara.

Rita Fischer, atriz do “Sarau”, também permanece no elenco de “Cabaré Foguete”, ao qual se juntaram Catarina Saibro, Joel Vieira e Thiago Ristow. Todos os atores cantam e dançam, além de comporem uma série de personagens divertidos e sedutores. A galeria de tipos inclui crianças participantes de um concurso infantil de talentos exóticos e bebês internados em uma creche de reabilitação, além de prostitutas e travestis do bordel que dá nome ao espetáculo.

Ricardo Góes, responsável pela preparação vocal do “Sarau das Putas”, assume novamente a função no “Cabaré Foguete”, em que também assume a direção musical, coordenando uma banda formada por quatro músicos que tocam e cantam ao vivo durante as apresentações, desfilando músicas com letras cômicas e sensuais, é a Banda Hétera.

“A irreverência dá o tom do espetáculo. Trata-se de um evento festivo, no qual o espectador poderá tomar uma cerveja enquanto se diverte com as peripécias da Ana Foguetinho”, conclui Sugahara.

IMG_1439

Ficha técnica

Direção e Dramaturgia: Ivan Sugahara e Gustavo Damasceno

Direção Musical e Preparação Vocal: Ricardo Góes

Assistente de Direção Musical: Breno Góes

Elenco: Catarina Saibro, Joel Vieira,

Nara Parolini, Rita Fischer e Thiago Ristow

Músicos: Antônio Ziviani, Breno Góes,

Felipe Ridolfi, Pedro Leal David

Direção de Movimento: Kelly Siqueira

Cenário: André Sanches

Figurino: Tarsila Takahashi

Iluminação: Ricardo Grings

Colaboração Dramatúrgica: Valéria Motta

Fotografia e Programação Visual: Thiago Ristow

Assistente de Produção: George Luís Prata

Direção de Produção: Maria Alice Silvério e Alan Isídio

SERVIÇO

Temporada: de 17 de janeiro a 8 de fevereiro de 2015

Horário: Sextas, Sábados e Domingos às 20h.

Gênero: Comédia Musical

Duração: 70 minutos

Ingresso: R$30,00

Bilheteria: quarta a domingo, das 16 às 20h.

Capacidade: 89 lugares

Classificação: 16 anos

TEATRO CAFÉ PEQUENO

Av. Ataulfo de Paiva, 269 Leblon

Tel.: 3005-4104

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: